10/05/2010 a 16/05/2010

Unidade Betim recebe certificado de Licença Ambiental

Mais uma realização em direção à sustentabilidade na PUC Minas em Betim. A unidade recebeu, no último dia 19 de abril, o certificado de Licença Ambiental Simplificada (LAS) para as atividades de ensino universitário.

O documento foi entregue pelo secretário municipal de Meio Ambiente, Geraldo Antunes Conceição, ao pró-reitor da unidade, professor Eugênio Batista Leite.

O licenciamento ambiental envolve um conjunto de medidas que visam a minimizar ou evitar o impacto ambiental do empreendimento. Entre estas medidas, está a destinação adequada para os resíduos gerados.

O procedimento administrativo passou a ser uma exigência legal em Betim a partir de 2004. Os empreendimentos já existentes antes dessa data, como é o caso do núcleo universitário, passaram por vistorias para a adoção de normas legais e burocráticas que concedessem o certificado.

Impacto ambiental

A Licença Ambiental Simplificada tem validade de três anos e foi criada para atender empreendimentos de baixo impacto poluidor. As restrições e medidas de controle ambiental impostas permitem que as empresas funcionem sem agredir o meio ambiente.

O processo administrativo que resultou na conquista da licença foi coordenado pela Pró-reitoria de Infraestrutura da PUC Minas e pelo Curso de Ciências Biológicas da unidade Betim, por meio do professor Fernando Verassani, que também representa a Universidade no Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Codema), órgão responsável pelo equilíbrio ecológico e combate à poluição ambiental em Betim.

"Sem a licença, nossas ações em busca de melhorias internas ficariam deficientes. A partir de agora, poderemos trabalhar com mais intensidade na intenção de propor um modelo de espaço universitário de sustentabilidade", atesta o professor.

Modelo universitário

A PUC Minas em Betim já tem adotado importantes medidas que demonstram o respeito e o compromisso com a conservação ambiental. Entre elas, a criação de um Abrigo de Resíduos Sólidos de Saúde, que destina de forma correta os resíduos comuns e dos laboratórios de saúde gerados pela instituição. "É o primeiro abrigo de Minas Gerais a atender integralmente as normas ambientais", conta Verassani.

A unidade também possui a Comissão de Sustentabilidade, que desenvolve ações de reutilização de papéis, controle do desperdício, geração de poluição e mudanças de hábitos cotidianos com o objetivo de transformar o futuro do meio ambiente.

Além disso, vários projetos de articulação externa são realizados com órgãos ambientais no País por meio do Curso de Ciências Biológicas que, atualmente, prevê uma parceria com o Programa de Secos e Úmidos da Prefeitura Municipal.

07/05/2010


PUC Informa. Editado pela Assessoria de Imprensa da PUC Minas :: (31) 3319-4917 - imprensa@pucminas.br