02/09/2013 a 08/09/2013

Maioria como “muito bom” e “excelente”

Quatro cursos da Universidade, em Belo Horizonte, receberam cinco estrelas, conceito máximo (excelente), na avaliação de cursos superiores realizada neste ano pelo Guia do Estudante, da Editora Abril. São eles: Direito, História, Jornalismo e Relações Internacionais. Outros 32 cursos receberam quatro estrelas (muito bom) e outros 25 três estrelas (bom). Os dados integrarão a publicação GE Profissões Vestibular 2014, que circulará a partir de 11 de outubro.

Receberam quatro estrelas: em Arcos, o Curso de Administração; em Belo Horizonte, Administração, Ciência da Computação, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Educação Física, Engenharia de Controle e Automação, Engenharia de Energia, Engenharia de Produção, Engenharia Eletrônica, Engenharia Mecânica, Filosofia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Geografia, Odontologia, Pedagogia, Publicidade e Propaganda, Relações Públicas, Serviço Social e Sistemas de Informação. Em Betim, também ficou com quatro estrelas o Curso de Administração e Direito; em Contagem, Administração, Ciências Contábeis, Direito, Serviço Social e Sistemas de Informação; em Poços de Caldas, Administração, Ciência da Computação e Pedagogia.

Confira a listagem completa.

Metodologia

O Guia do Estudante avalia apenas os cursos superiores que atendem aos seguintes critérios:

· Ter a titulação de bacharelado (com exceção de Pedagogia e Educação Física, em que são consideradas prioritariamente as licenciaturas);
· Data de conclusão da primeira turma igual ou inferior a 2011;
· Ser presencial;
· Ter turma(s) em andamento e ser oferecido no próximo processo seletivo;
· Não são consideradas as habilitações; o Guia do Estudante avalia o curso como um todo. É considerado apenas um curso por município de cada instituição.

Coordenadores dos cursos que serão avaliados respondem a um questionário eletrônico, com dados específicos sobre o curso, como titulação do corpo docente e produção científica. Essas informações são disponibilizadas aos pareceristas para auxiliá-los no processo de avaliação. O corpo de consultores do GE é formado, basicamente, por docentes e coordenadores de curso. Têm preferência os consultores que possuem currículo cadastrado na Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

29/08/2013


PUC Informa. Editado pela Assessoria de Imprensa da PUC Minas :: (31) 3319-4917 - imprensa@pucminas.br